Joaquim Barbosa diz que mudança de regime de governo para "semipresidencialismo" é uma irresponsabilidade

O semipresidencialismo no Brasil é um salto no escuro, diz ex-presidente do Supremo

Joaquim Barbosa
Joaquim Barbosa (Foto: Fellipe Sampaio/SCO/STF)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - O ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa disse em entrevista à jornalista Mônica Bergamo publicada neste domingo (25) na Folha de S.Paulo que mudar o regime de governo para combater crises é uma “aventura” e que os paralelos feitos com o sistema francês não fazem sentido no Brasil. Lá, afirma ele, o semipresidencialismo foi adotado para corrigir um sistema parlamentarista que era uma “balbúrdia”.

Barbosa defende o presidencialismo e diz que o sistema, adotado no Brasil há mais de um século, vem sendo aprimorado. Conferiu estabilidade por longo período ao país —e tem o condão de contornar crises mais graves, como uma eventual aventura autoritária do atual governo. "Eu acho isso muito irresponsável. Por isso me dispus a falar sobre esse tema", enfatizou.

Leia a íntegra.

PUBLICIDADE

Inscreva-se no canal de cortes da TV 247 e saiba mais:

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email