Juiz suspende pagamentos da Odebrecht à empresa Alvarez & Marsal, que contratou o ex-juiz Moro

Decisão foi tomada para preservar os recursos da empreiteira, que foi quebrada na Lava Jato e entrou em processo de recuperação coordenado pela empresa dos Estados Unidos que, recentemente, contratou o ex-juiz

(Foto: ABr)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – A empresa dos Estados Unidos que contratou o ex-juiz Sérgio Moro e que vinha recebendo recursos da empreiteira não conseguirá mais receber pagamentos da construtora quebrada na Lava Jato. "O juiz João de Oliveira Rodrigues Filho, da 1ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais, decidiu suspender os pagamentos da Odebrecht à empresa Alvarez & Marsal, administradora judicial do grupo. O magistrado tomou a decisão depois que o TCU (Tribunal de Contas da União) passou a investigar a contratação do ex-juiz Sergio Moro para trabalhar na Alvarez & Marsal", informa a jornalista Mônica Bergamo, na Folha de S. Paulo.

"Na visão do Ministério Público junto ao TCU, há um evidente conflito de interesses no fato de Moro ter condenado e ordenado a prisão de acionistas e diretores da Odebrecht, contribuindo para a situação de insolvência da empresa, e agora trabalhar em sua administradora judicial, que disso aufere lucros", aponta a jornalista.

Inscreva-se no canal de cortes da TV 247 e saiba mais:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email