Kataguiri para Eduardo Bolsonaro: votei em você em 2014, traidor!

Deputados, antes aliados, trocaram acusações e agressões nas redes sociais durante o dia. Kataguiri chamou Eduardo Bolsonaro de "covarde" e "traidor", além de dizer que o filho do presidente não estava no plenário por estar "fritando hamburguer"

247 - Os deputados federais Kim Kataguiri (DEM) e Eduardo Bolsonaro (PSL) bateram boca através das redes sociais nesta quinta-feira (29). O filho do presidente Jair Bolsonaro (PSL) foi chamado de covarde e traidor por Kataguiri.

"Onde estava Eduardo Bolsonaro na hora de chamar o governo pra votação nominal do abuso de autoridade? Ou no veto do PR contra projeto que limitava poderes do STF? Ou ontem, quando precisávamos do PSL para manter decreto presidencial? Na previdência? Lava Toga? Nadinha. Fritando hambúrguer. Covarde", disparou o deputado do DEM.

Eduardo respondeu que Kataguiri não queria debater, e postou uma foto onde discursava no plenário da Câmara, sem a presença do deputado do DEM.

"Neste termos vc me chama para outra coisa, não para debate. Poderia ser raso como você e perguntar onde estava hoje a tarde quando discursei. Quando for menos arrogante podemos conversar, até lá no máximo faremos como em 2014, quando você pedia vídeos comigo na Paulista e depois de eleito, os deletou", rebateu.

Kataguiri continuou com o bate-boca e chamou Bolsonaro de "traidor".

"Fiz campanha e votei em você em 2014, quando você defendia a Lava Jato e criticava o Supremo. Agora, faz parte de um governo que faz acordão contra Lava Jato, acaba com COAF, veta lei para limitar poder do STF, interfere na PF e na Receita para proteger senador corrupto. Traidor", finalizou.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247