Kennedy: Bolsonaro contesta urna que elegeu filho e aliados

"O candidato do PSL, Jair Bolsonaro, é antidemocrático. O fato é que tem dificuldade de conviver com a democracia, com seu histórico de preconceito e autoritarismo. Hoje (ontem) à noite, ele resolveu contestar e lançar suspeitas sobre as urnas eletrônicas que elegeram, com votação recorde, seu filho e aliados. Digeriu mal a aposta errada na vitória em primeiro turno", observa o jornalista Kennedy Alencar

Kennedy: Bolsonaro contesta urna que elegeu filho e aliados
Kennedy: Bolsonaro contesta urna que elegeu filho e aliados
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

"O candidato do PSL, Jair Bolsonaro, é antidemocrático. O fato é que tem dificuldade de conviver com a democracia, com seu histórico de preconceito e autoritarismo. Hoje à noite, ele resolveu contestar e lançar suspeitas sobre as urnas eletrônicas que elegeram, com votação recorde, seu filho e aliados. Digeriu mal a aposta errada na vitória em primeiro turno", observa o jornalista Kennedy Alencar.

Para ele, "Fernando Haddad, do PT, tem o desafio de criar uma frente ampla e democrática, que vá além do programa de governo petista. Aliás, o PT passou sufoco, mas chegou à segunda fase, na qual é preciso ampliar e falar menos aos convertidos. O desafio é fazer acenos concretos para Ciro Gomes (PDT), Marina Silva (Rede) e outros candidatos".

Leia a íntegra no Blog do Kennedy Alencar

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247