Kotscho: 7 em cada 10 brasileiros acham que o país vai piorar ainda mais

O jornalista Ricardo Kotscho destaca que não é o único 'pessimista' em relação ao futuro do Brasil; 'Para praticamente sete em cada dez brasileiros (67%), o país está em declínio, isto é, tende a se tornar um lugar pior no futuro. Os brasileiros são os mais pessimistas dentre os 24 países consultados pela pesquisa de opinião Beyond Populism? Revisited (Além do populismo? Revisto, em tradução livre)', diz ele em relação 'a pesquisa inédita feita em 24 países pelo instituto francês Ipsos, divulgada hoje pela BBC News Brasil'

Kotscho: 7 em cada 10 brasileiros acham que o país vai piorar ainda mais
Kotscho: 7 em cada 10 brasileiros acham que o país vai piorar ainda mais
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O jornalista Ricardo Kotscho destaca que não é o único "pessimista" em relação ao futuro do Brasil; "Para praticamente sete em cada dez brasileiros (67%), o país está em declínio, isto é, tende a se tornar um lugar pior no futuro. Os brasileiros são os mais pessimistas dentre os 24 países consultados pela pesquisa de opinião Beyond Populism? Revisited (Além do populismo? Revisto, em tradução livre)", diz ele em relação "a pesquisa inédita feita em 24 países pelo instituto francês Ipsos, divulgada hoje pela BBC News Brasil". 

"Depois do Brasil, os mais pessimistas são os sul-africanos (64%) e os argentinos (58%). Mais otimistas são os chilenos, seguidos pelos alemães e canadenses. Nosso pessimismo está bem acima da média global (44%)", observa Kotscho. "Em entrevista à BBC News Brasil, Danilo Cersosimo, diretor da empresa de pesquisas Ipsos, disse que esse pessimismo pode explicar a chegada ao poder de Jair Bolsonaro, o candidato que melhor soube trabalhar o descontentamento dos brasileiros, apontado também em outros números da pesquisa", ressalta.

Leia a íntegra da análise no Balaio do Kotscho. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247