Lambança no Enem 2020 faz advogados oferecem atendimento grátis para estudantes prejudicados

Os milhões de estudantes aflitos diante da lambança do Enem 2020 levaram o advogado Igor Santos e o jornalista Leandro Barbosa a um gesto inusitado: eles decidiram se colocar à disposição dos candidatos prejudicados para que estes busquem auxílio jurídico com advogados voluntários

Enem deste ano terá 30 minutos a mais para provas de exatas.
Enem deste ano terá 30 minutos a mais para provas de exatas. (Foto: Marcos Santos/USP Imagens)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Os milhões de estudantes aflitos diante da lambança do Enem 2020 levaram o advogado Igor Santos e o jornalista Leandro Barbosa a um gesto inusitado: eles decidiram se colocar à disposição dos candidatos prejudicados para que estes busquem auxílio jurídico com advogados voluntários.

Igor explica: "por mais que haja Ministério Público Federal e Defensoria Pública da União , essas instituições não são onipresentes."

O advogado ainda diz: "a gente já tem um sistema de ensino que privilegia algumas pessoas. Essas pessoas chegam, fazem uma prova que prevê pelo menos uma igualdade formal, e nem isso está tendo. Com esse tanto de falhas, com esse tanto de questões envolvendo o Enem , acaba que quem pode resolver esses problemas, quem mora em um grande centro, quem tem acesso a informação, ou até mesmo disponibilidade financeira para contratar um advogado, acaba saindo na frente, porque tem o seu problema reconhecido e resolvido."

A matéria do portal IG ainda destaca que "ainda na terça-feira (21), dia do início das inscrições e da primeira falha no Sisu , Leandro começou a divulgar a iniciativa no Twitter. Seu post inicial sobre a ajuda jurídica gratuita já teve mais de 5 mil compartilhamentos."

Acha que foi prejudicado pelas falhas de correção do ENEM?

Advogados se dispuseram a representar estudantes gratuitamente. Ideia do @santoirgo .

Escreva para: [email protected]

Aquela corrente para chegar em quem precisa. Compartilhe.
— Leandro Barbosa (@Barbosa_Leandro) January 21, 2020

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247