Lava Jato engavetou inquérito de espionagem em cela de doleiro antes de PF encerrar investigação

Procuradores da força-tarefa da Operação Lava Jato em Curitiba pediram de forma "abrupta e antecipada" o arquivamento de uma investigação sobre espionagem, por meio de grampo, na cela do doleiro Alberto Youssef. A denúncia é do delegado responsável pelo caso, segundo a Folha de S.Paulo

Justiça Federal irá leiloar, nesta segunda-feira (30), imóveis do doleiro Alberto Yousseff, preso pela Operação Lava Jato; venda inclui cotas de uma sociedade em um hotel na Bahia, além de cinco imóveis em uma área de 1,6 mil metros quadrados no Bairro Campo de São Cristovão, no Rio de Janeiro; bens são avaliados em R$ 6 milhões
Justiça Federal irá leiloar, nesta segunda-feira (30), imóveis do doleiro Alberto Yousseff, preso pela Operação Lava Jato; venda inclui cotas de uma sociedade em um hotel na Bahia, além de cinco imóveis em uma área de 1,6 mil metros quadrados no Bairro Campo de São Cristovão, no Rio de Janeiro; bens são avaliados em R$ 6 milhões (Foto: Paulo Emílio)

247 - Procuradores da força-tarefa da Operação Lava Jato em Curitiba pediram de forma "abrupta e antecipada" o arquivamento de uma investigação sobre espionagem, por meio de grampo, na cela do doleiro Alberto Youssef. 

A denúncia é do delegado responsável pelo caso, segundo a Folha de S.Paulo. 

A investigação da PF tentava descobrir o que motivou a instalação da escuta e se houve tentativa de abafar internamente o caso. 

"Os procuradores atipicamente requerem o arquivamento do inquérito policial, antes mesmo da realização de diligências básicas e da confecção do relatório final", disse o delegado Márcio Magno Carvalho Xavier, em manifestação à Justiça Federal, informa a Folha.  

O documento foi assinado em junho de 2017. Magno Xavier, à época corregedor de assuntos internos da Polícia Federal, em Brasília, tentava estender o prazo do inquérito.   

O pedido do Ministério Público Federal para engavetar o caso foi aceito pelo juiz federal do Paraná Nivaldo Brunoni.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247