CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Brasil

Lava Jato: Janot cria força-tarefa para auxiliar investigações

De acordo com portaria assinada pelo procurador Rodrigo Janot, seis procuradores terão cinco meses para apurar os fatos investigados; deflagrada no dia 17 de março, a Operação Lava Jato, da Polícia Federal, desarticulou uma organização que tinha como objetivo a lavagem de dinheiro em seis estados e no Distrito Federal; de acordo com as informações do Conselho de Controle de Atividades Financeiras, os suspeitos movimentaram mais de R$ 10 bilhões

Imagem Thumbnail
A Comissão de Constituição e Justiça do Senado sabatina o procurador da República Rodrigo Janot, indicado para o cargo de procurador-geral da República. (Foto: Valter Lima)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

André Richter – Repórter da Agência Brasil

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, determinou a criação de uma força-tarefa para auxiliar as investigações da Operação Lava Jato. De acordo com portaria assinada por Janot, seis procuradores terão cinco meses para apurar os fatos investigados.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Deflagrada no dia 17 de março, a Operação Lava Jato, da Polícia Federal, desarticulou uma organização que tinha como objetivo a lavagem de dinheiro em seis estados e no Distrito Federal. De acordo com as informações do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), obtidas pela Polícia Federal, os suspeitos movimentaram mais de R$ 10 bilhões.

Segundo a PF, o grupo investigado, "além de envolver alguns dos principais personagens do mercado clandestino de câmbio no Brasil", é responsável pela movimentação financeira e lavagem de ativos de diversas pessoas físicas e jurídicas envolvidas em crimes como tráfico internacional de drogas, corrupção de agentes públicos, sonegação fiscal, evasão de divisas, extração e contrabando de pedras preciosas e desvio de recursos públicos.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

A operação foi intitulada Lava Jato porque o grupo usava uma rede de lavanderias e postos de combustíveis para movimentar os valores. Os mandados foram expedidos pela Justiça Federal no Paraná.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO