Lawfare “não é obra exclusiva de Moro ou Dallagnol”, diz Cristiano Zanin

Ao comentar sobre a influência de Bannon nos EUA e Brasil, advogado de Lula destaca caráter mundial do uso dos sistemas de Justiça para gerar efeitos políticos

Cristiano Zanin, Lula, Sérgio Moro e Deltan Dallagnol
Cristiano Zanin, Lula, Sérgio Moro e Deltan Dallagnol (Foto: Ricarod Stuckert | Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News

Revista Fórum - Em entrevista ao Fórum Onze e Meia desta sexta-feira (21), o advogado do ex-presidente Lula, Cristiano Zanin, comentou sobre a parceria entre procuradores da Lava Jato com agentes do FBI, agência de investigação dos Estados Unidos, e disse que há um fenômeno mundial de uso dos sistemas de Justiça para gerar consequências políticas.

Questionado sobre os impactos no Brasil da prisão do ex-estrategista de Donald Trump e aliado ao clã Bolsonaro, Steve Bannon, Zanin afirmou que o que tem acontecido no cenário político do Brasil não é consequência de um projeto exclusivo da Lava Jato ou do ex-juiz Sergio Moro.

“Tenho certeza de que aquilo que aconteceu e continua acontecendo no Brasil não é uma obra idealizada exclusivamente por Moro ou por Dallagnol”, disse.

PUBLICIDADE

Leia mais na Fórum.

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email