Leonardo Boff: ministro da Educação inaugura reino da irracionalidade

O teólogo rebateu o novo ministro da Educação, Abraham Weintraub, que  disse em sua primeira entrevista que uma pessoa que sabe ler e escrever e tem acesso à internet não vota no PT; "Chico Buarque, Tarso Genro, Pinguelli Rosa, Celso Amorim e outros tantos cientistas e intelectuais,ao que parece, sabem ler e escrever.  Por que votaram em Lula? Por ignorância?", questionou Boff

Leonardo Boff: ministro da Educação inaugura reino da irracionalidade
Leonardo Boff: ministro da Educação inaugura reino da irracionalidade

247 - O teólogo e professor Leonardo Boff criticou a fala do novo ministro da Educação, Abraham Weintraub, que  disse que "uma pessoa que sabe ler e escrever e tem acesso à internet não vota no PT". Boff usa exemplos de nomes como Chico Buarque e Celso Amorim, eleitores do Partido dos Trabalhadores, para desqualificar a fala de Weintraub.

"Chico Buarque, Tarso Genro, Pinguelli Rosa, Celso Amorim e outros tantos cientistas e intelectuais,ao que parece, sabem ler e escrever.  Por que votaram em Lula? Por ignorância? Temos um bizarro da razão obscurantista no Ministério da Educação, inaugurando o reino da irracionalidade", criticou Boff, em sua conta no Twitter.

 

Ao vivo na TV 247 Youtube 247