Dino: Lula não tem que ser transferido, tem que ir pro semi-aberto

Após a decisão judicial que determinou a transferência de Lula de Curitiba para São Paulo, publicada nesta quarta-feira (7), o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB-MA), lembrou que a prisão do ex-presidente é arbitrária e reivindicou o direito do ex-presidente ao regime semi-aberto

(Foto: Ricardo Stuckert)

247 - Após a decisão judicial que determinou a transferência de Lula de Curitiba para São Paulo, publicada nesta quarta-feira (7), o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB-MA), lembrou que a prisão do ex-presidente é arbitrária e reivindicou o direito do ex-presidente ao regime semi-aberto. 

Veja sua postagem: 





Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247