Líderes de 2013 fizeram greve de fome por Eduardo Fauzi, autor de atentado ao Porta dos Fundos

Membro do PSL desde 2001 e recém expulso da Federação Integralista Brasileira (FIB), o olavista Eduardo Fauzi Richard Cerquise recebeu a solidariedade da militante Elisa Quadros, conhecida como Sininho, quando foi preso nos protestos. Assista ao vídeo

Sininho, Eduardo Fauzi e Fábio Porchat e Gregório Duvivier em especial do Porta dos Fundos
Sininho, Eduardo Fauzi e Fábio Porchat e Gregório Duvivier em especial do Porta dos Fundos
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Revista Fórum - Algumas peças ainda estão soltas no quebra-cabeça sobre o principal dos cinco acusados do atentado com coquetéis molotov à sede da produtora do Porta dos Fundos na véspera do Natal.

Membro do PSL desde 2001 e recém expulso da Federação Integralista Brasileira (FIB), Eduardo Fauzi Richard Cerquise, recebeu a solidariedade da militante Elisa Quadros, conhecida como Sininho, que em 2013 anunciou uma greve de fome de dois jovens do movimento Black Blocs pela soltura de Eduardo Fauzi, que se encontrava preso em razão dos protestos realizados na época.

Leia mais na Fórum.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247