HOME > Brasil

Lula diz que estupro é crime imperdoável e defende punição para Robinho

"O Robinho já foi condenado na Itália e era para ele já estar cumprindo pena aqui", disse o presidente

Lula e Robinho (Foto: Ricardo Stuckert/PR | REUTERS/Toru Hanai)

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 – O presidente Lula defendeu, em entrevista ao SBT, que o ex-jogador Robinho seja punido no Brasil pela acusação de estupro. "Todos que cometeram crime de estupro precisam ser presos. As pessoas precisam aprender que relação sexual não é apenas o desejo de uma parte. É a concórdia das partes que estão em jogo. Um homem que comete esse tipo de crime de forma coletiva e ainda acha que não cometeu? Cria vergonha. Estupro é um crime imperdoável", afirmou.

"As pessoas têm que ser julgadas e condenadas por isso. O Robinho já foi condenado na Itália e era para ele já estar cumprindo pena aqui. Agora vai ser julgado no Brasil e eu espero que ele pague o preço da irresponsabilidade de ser um jovem que teve mais oportunidades do que 99% dos jovens brasileiros, que ganhou muito dinheiro, e que fez isso com uma menina", acrescentou.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista: