Maia detona excesso de MPs do governo Temer

Presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que Michel Temer acaba se colocando à frente da democracia representativa com o excesso de medidas provisórias editadas pelo Executivo; Maia, que vem criticando repetidamente o que considera ser um uso exagerado de medidas provisórias, disse que na hora das decisões difíceis, Temer tem optado pelo caminho mais fácil das MPs

Presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que Michel Temer acaba se colocando à frente da democracia representativa com o excesso de medidas provisórias editadas pelo Executivo; Maia, que vem criticando repetidamente o que considera ser um uso exagerado de medidas provisórias, disse que na hora das decisões difíceis, Temer tem optado pelo caminho mais fácil das MPs
Presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que Michel Temer acaba se colocando à frente da democracia representativa com o excesso de medidas provisórias editadas pelo Executivo; Maia, que vem criticando repetidamente o que considera ser um uso exagerado de medidas provisórias, disse que na hora das decisões difíceis, Temer tem optado pelo caminho mais fácil das MPs (Foto: Paulo Emílio)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Reuters - O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse nesta terça-feira que o presidente Michel Temer acaba se colocando à frente da democracia representativa com o excesso de medidas provisórias editadas pelo Executivo.

Maia, que vem criticando repetidamente o que considera ser um uso exagerado de medidas provisórias, disse que na hora das decisões difíceis, Temer tem optado pelo caminho mais fácil das MPs.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247