Major Olímpio, sobre Previdência: ‘Não passa. Eu mesmo voto contra’

"A reforma é necessária, mas os parâmetros da proposta da PEC 287 estão equivocados. Na prática, se a 287 for colocada (em discussão), não passa. Eu mesmo voto contra", afirmou o deputado e senador eleito por São Paulo Major Olímpio (PSL) 

Major Olímpio, sobre Previdência: ‘Não passa. Eu mesmo voto contra’
Major Olímpio, sobre Previdência: ‘Não passa. Eu mesmo voto contra’ (Foto: Cleia Viana - Câmara)

247 - O deputado e senador eleito por São Paulo Major Olímpio (PSL) rejeitou a pretensão cogitada por pessoas próximas ao presidente eleito Jair Bolsonaro de votar a Proposta de Emenda Constitucional 287 da reforma da Previdência enviada por Michel Temer ao Congresso Nacional. Segundo o congressista, a proposta tem vários pontos que já foram questionados pelo Legislativo. 

"A reforma é necessária, mas os parâmetros da proposta da PEC 287 estão equivocados. Na prática, se a 287 for colocada (em discussão), não passa. Eu mesmo voto contra", disse o aliado de Bolsonaro à imprensa nesta terça-feira (30). "Pelo pouco que conheço da Câmara, se essa proposta for apresentada, ela não passará, pois suprime alguns direitos e não inclui categorias, como agentes e guardas municipais", acrescentou. "Uma coisa é a necessidade da reforma, outra é a questão política." 

O major também ressaltou ser necessário entender que "metade" dos parlamentares não foi reconduzida.

Conheça a TV 247

Mais de Brasil

Ao vivo na TV 247 Youtube 247