Manifestantes protestam contra Reforma da Previdência no País

Algumas categorias, como metalúrgicos, bancários e motoristas de ônibus, pararam nesta segunda-feira 19 em protesto contra a aprovação da Reforma da Previdência do governo Temer; o texto seria colocado em votação nesta semana, mas com a intervenção federal no Rio de Janeiro, deve ser adiada; atos acontecem em várias cidades e pedem que os deputados que votarem a favor não sejam reeleitos

Algumas categorias, como metalúrgicos, bancários e motoristas de ônibus, pararam nesta segunda-feira 19 em protesto contra a aprovação da Reforma da Previdência do governo Temer; o texto seria colocado em votação nesta semana, mas com a intervenção federal no Rio de Janeiro, deve ser adiada; atos acontecem em várias cidades e pedem que os deputados que votarem a favor não sejam reeleitos
Algumas categorias, como metalúrgicos, bancários e motoristas de ônibus, pararam nesta segunda-feira 19 em protesto contra a aprovação da Reforma da Previdência do governo Temer; o texto seria colocado em votação nesta semana, mas com a intervenção federal no Rio de Janeiro, deve ser adiada; atos acontecem em várias cidades e pedem que os deputados que votarem a favor não sejam reeleitos (Foto: Gisele Federicce)

247 - Diversas cidades brasileiras têm protestos nesta segunda-feira 19 contra a Reforma da Previdência do governo Michel Temer. O texto seria colocado em votação nesta semana, mas com a intervenção federal no Rio de Janeiro, deve ser adiada.

Algumas categorias, como metalúrgicos do ABC, bancários e motoristas de ônibus na capital paulista e em outros estados, pararam em protesto contra a reforma. Professores aderiram à mobilização em São Paulo e Aracaju.

A mobilização de São Paulo passa pela Avenida Paulista nesta tarde, onde agências de bancos amanheceram fechadas, por conta da adesão do Sindicato dos Bancários ao protesto.

Em vários estados, os atos pedem que os deputados que votarem a favor não sejam reeleitos. Pela manhã, houve manifestação com faixas em alguns aeroportos brasileiros, como de Brasília, São Paulo (Congonhas), Rio de Janeiro (Santos Dumont) e Porto Alegre.

Confira o minuto a minuto do site Brasil de Fato sobre as mobilizações.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247