Manuela denuncia suástica desenhada em estátua de escritor gaúcho

Em passagem por Pelotas, onde participa de uma plenária, Manuela disse que vivemos tempos difíceis, de intolerância, desrespeito e ódio; escritor gaúcho Simões Lopes Neto é considerado um dos principais autores regionalistas do estado

Manuela denuncia suástica desenhada em estátua de escritor gaúcho
Manuela denuncia suástica desenhada em estátua de escritor gaúcho

247 - Durante sua passagem por Pelotas, no interior do Rio Grande do Sul, a candidata à vice-presidenta Manuela D'Ávila (PCdoB) denunciou mais uma mensagem de ódio registrada nestas eleições. A estátua do escritor João Simões Lopes Neto teve uma suástica, símbolo dos nazistas, desenhada na testa.

"Chego em Pelotas, onde logo mais participo de uma plenária, e recebo a triste notícia que a estátua de Simões Lopes Neto foi alvo de vandalismo e recebeu uma suástica, símbolo do nazismo, na testa. Tempos difíceis, de intolerância, desrespeito e pregação ao ódio", disse Manuela em seu Twitter.

Simões Lopes Neto foi, segundo estudiosos e críticos de literatura, o maior autor regionalista do Rio Grande do Sul, pois procurou em sua produção literária valorizar a história do gaúcho e suas tradições. Só alcançou a glória literária postumamente, em especial após o lançamento da edição crítica de Contos Gauchescos e Lendas do Sul, em 1949.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247