Ministra garante que governo se antecipou às enchentes

Gleisi Hoffmann afirma que aes de preveno comearam h mais de quatro meses

Ministra garante que governo se antecipou às enchentes
Ministra garante que governo se antecipou às enchentes (Foto: Ichiro Guerra/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

A ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, afirmou hoje, durante entrevista coletiva após reunião com a presidente Dilma Rousseff, que as ações de prevenção às enchentes começaram há mais de quatro meses. Gleisi refutou questionamento dos jornalistas de que, mais uma vez, o governo tenha se atrasado com as ações de prevenção às enchentes e desastres naturais na temporada de chuvas de verão.

"Os ministérios da Integração Nacional e Ciência e Tecnologia estão trabalhando de forma integrada e há uma mobilização forte do governo. Talvez seja uma das vezes em que estamos trabalhando de forma mais integrada para dar resposta à população. Evitar mortes é prioridade número um", ressaltou a ministra.

Alvo de denúncias, o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, acusou os governos anteriores de não investirem em ações de prevenção. "Não é agenda para um governo, é para uma geração. Esse País perdeu duas décadas, a população cresceu e foi morar nas áreas risco, não havia investimento público para mobilidade urbana, saneamento. Isso (investimento) começou com o ex-presidente Lula, com o programa Minha Casa, Minha Vida", criticou. Reportagem do Estado mostrou que Bezerra Coelho destinou 90% dos recursos do Ministério para ações de prevenção a enchentes ao seu Estado, Pernambuco.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email