Ministro do Trabalho tem assessor denunciado por desvios em hospital

Ministro interno do Trabalho, Helton Yomura, tem como um de seus assessores o funcionário Arilson Vieira da Silva, que foi denunciado pelo Ministério Público de Goiás pelos crimes de falsidade ideológica e peculato por envolvimento em suposto esquema de fraudes e desvios em um hospital de combate ao câncer de Goiânia

Ministro interno do Trabalho, Helton Yomura, tem como um de seus assessores o funcionário Arilson Vieira da Silva, que foi denunciado pelo Ministério Público de Goiás pelos crimes de falsidade ideológica e peculato por envolvimento em suposto esquema de fraudes e desvios em um hospital de combate ao câncer de Goiânia
Ministro interno do Trabalho, Helton Yomura, tem como um de seus assessores o funcionário Arilson Vieira da Silva, que foi denunciado pelo Ministério Público de Goiás pelos crimes de falsidade ideológica e peculato por envolvimento em suposto esquema de fraudes e desvios em um hospital de combate ao câncer de Goiânia (Foto: Paulo Emílio)

247 - O ministro interno do Trabalho, Helton Yomura, tem como um de seus assessores p funcionário Arilson Vieira da Silva, que foi denunciado pelo Ministério Público de Goiás pelos crimes de falsidade ideológica e peculato por envolvimento em suposto esquema de fraudes e desvios em um hospital de combate ao câncer de Goiânia.

Arilson, que foi nomeado para o cargo de confiança em 2016 pelo então ministro substituto, Janio Macedo, é tido como indicação do PTB de Goiás, partido controlado pelo líder da legenda na Câmara, Jovair Arantes. No final de 2017, porém, ele passou a acumular a assessoria como cargo de ordenador de despesas substituto, em ato assinado por Yomura.

De acordo com o jornal O Globo, Arilson foi indicado para substituir Tulio Ostilio Pessoa de Oliveira, que também teria sido por Jovair para o cargo. Tulio tem que se apresentar a cada três meses à Vara de Execução de Penas e Medidas Alternativas em Goiânia, em razão de uma ação por estelionato.

A defesa de Arilson em relação aos desvios no hospital de câncer está a cargo de outro aliado de Jovair e funcionário do Ministério do Trabalho, o advogado Hélio Francisco de Miranda. Arilson já foi secretário parlamentar de Jovair Arantes, além de ter atuado como parlamentar do senador cassado Demóstenes Torres (ex-DEM-GO). Ele nega que tenha cometido irregularidades.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247