Moro: corrupção é suprapartidária no Brasil

Juiz Sérgio Moro afirmou, em palestra ao lado do magistrado italiano Piercamillo Davigo, da Operação Mãos Limpas, que "a corrupção não é o único problema do Brasil, mas é um problema suprapartidário. Isso não tem a ver com outras questões de política. Isso tem a ver com questões relacionadas à Justiça. Justiça e política são coisas diferenciadas”, disse

São Paulo - O juiz federal Sérgio Moro participa do simpósio Lava Jato e Mãos Limpas, realizado no auditório do Ministério Público Federal (Rovena Rosa/Agência Brasil)
São Paulo - O juiz federal Sérgio Moro participa do simpósio Lava Jato e Mãos Limpas, realizado no auditório do Ministério Público Federal (Rovena Rosa/Agência Brasil) (Foto: Roberta Namour)

247 - O juiz Sérgio Moro afirmou nesta terça-feira, em palestra ao lado do magistrado italiano Piercamillo Davigo, da Operação Mãos Limpas, que a corrupção é "suprapartidária”. "A corrupção não é o único problema do Brasil, mas é um problema suprapartidário. Isso não tem a ver com outras questões de política. Isso tem a ver com questões relacionadas à Justiça. Justiça e política são coisas diferenciadas”, disse.

Segundo ele, a corrupção sistêmica é um grande desafio às instituições porque, se não forem combatidas, tendem a ficar ainda piores.

“A Justiça tem papel relevante, mas não consegue resolver sozinha. É preciso que as outras instituições operem, os legisladores, a sociedade civil e que as próprias empresas se organizem para evitar pagamentos de propina. Se as empresas não pagarem, é um grande avanço”, afirmou.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247