Nova eleição para governador do Tocantins será no dia 3 de junho

Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins definiu que a eleição para governador e vice-governador do Tocantins ocorrerá em 3 de junho; quem for eleito ficará nos cargos até o dia 31 de dezembro deste ano; a partir de 1° de janeiro de 2019, assumirá como governador o candidato que for eleito em outubro de 2018; nova eleição foi decidida pelo TSE, após cassar o mandato do governador Marcelo Miranda (MDB), por abuso de poder econômico

Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins definiu que a eleição para governador e vice-governador do Tocantins ocorrerá em 3 de junho; quem for eleito ficará nos cargos até o dia 31 de dezembro deste ano; a partir de 1° de janeiro de 2019, assumirá como governador o candidato que for eleito em outubro de 2018; nova eleição foi decidida pelo TSE, após cassar o mandato do governador Marcelo Miranda (MDB), por abuso de poder econômico
Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins definiu que a eleição para governador e vice-governador do Tocantins ocorrerá em 3 de junho; quem for eleito ficará nos cargos até o dia 31 de dezembro deste ano; a partir de 1° de janeiro de 2019, assumirá como governador o candidato que for eleito em outubro de 2018; nova eleição foi decidida pelo TSE, após cassar o mandato do governador Marcelo Miranda (MDB), por abuso de poder econômico (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Do Conjur - O Plenário do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins definiu que a eleição para governador e vice-governador do Tocantins ocorrerá em 3 de junho. Quem for eleito ficará nos cargos até o dia 31 de dezembro deste ano. A partir de 1° de janeiro de 2019, assumirá como governador o candidato que for eleito em outubro de 2018.

A sessão extraordinária foi convocada pelo presidente do TRE, desembargador Marco Villas Boas, após a publicação no Diário de Justiça Eletrônico 78, na noite de 18 de abril, do acórdão do TSE que rejeitou os embargos de declaração apresentados pelo governador Marcelo Miranda contra a sua cassação.

A corte regional aprovou por unanimidade as resoluções 405, 406, 407, 408 e 409, mantendo a data de 3 de junho para o primeiro turno da eleição e o dia 24 de junho para o segundo turno, caso ocorra.

As convenções para escolha dos candidatos acontecem neste sábado e domingo (21 e 22/4), e os registros de candidatura serão feitos até as 19h de segunda-feira (23/4). A propaganda eleitoral será do dia 24 de abril ao dia 2 de junho para o primeiro turno. O TRE-TO terá até o dia 18 de maio para julgar todos os processos relativos ao registro de candidatura. Os demais prazos constam nas resoluções.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247