‘País não passa por crise da economia, mas vive a própria economia da crise’

O economista Márcio Pochmann avalia que "o Brasil não passa por crise da economia, mas vive a própria economia da crise, com alguns poucos setores ganhando em detrimento de perdas impostas à maioria"; "Nos últimos 4 anos, os grandes bancos retomaram mais de 70 mil imóveis por inadimplência, equivalendo a R$ 11,7 bilhões", reforçou

‘País não passa por crise da economia, mas vive a própria economia da crise’
‘País não passa por crise da economia, mas vive a própria economia da crise’ (Foto: Elza Fiúza - ABR)

247 - O economista Márcio Pochmann avalia que "o Brasil não passa por crise da economia, mas vive a própria economia da crise, com alguns poucos setores ganhando em detrimento de perdas impostas à maioria". "Nos últimos 4 anos, os grandes bancos retomaram mais de 70 mil imóveis por inadimplência, equivalendo a R$ 11,7 bilhões", disse ele no Twitter.

De acordo com o estudioso, "apesar da evidente desaceleração + intensa da economia neste 2° semestre, cujas previsões novas já são 50% menores do estimado no final do ano passado, a propaganda neoliberal segue expressa na mídia". "Previsão de fé: Desemprego cai naturalmente por força da reforma trabalhista", continuou.

"Financiamento privado de campanha eleitoral gerou sentimento crescente na população de esvaziamento da soberania popular, uma vez que as escolhas da maioria tenderam a ser desapropriadas por minoria de elevada concentração do poder econômico". "Existência de bancadas reflete isso", acrescentou.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247