Pazuello agora diz que governo irá vacinar toda população em 2021 e que usará a CoronaVac

Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, afirmou que trabalha com a meta de vacinar toda a população brasileira em 2021. Ainda segundo ele, o governo deverá adquirir o imunizante CoronaVac, criticado por Jair Bolsonaro, desde que esteja registrado na Anvisa

www.brasil247.com - CoronaVac e Pazuello
CoronaVac e Pazuello (Foto: Reuters)


247 com Reuters - Menos de 24 horas após ser pressionado pelos governadores sobre um plano nacional de vacinação contra a Covid-19, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, afirmou nesta quinta-feira (10), em entrevista à Rádio Jovem Pan, que a pasta trabalha com a meta de vacinar toda a população brasileira no próximo ano. "2021”, disse o ministro sobre o prazo fixado pelo governo federal para que toda população brasileira esteja vacinada.

Ainda segundo ele, o governo também irá adquirir o imunizante  CoronaVac, desenvolvida pela chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan, caso ela esteja registrada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e tenha um preço acessível.

"Nós nunca deixamos de fazer conversas bilaterais e acompanhamento com o Butantan", ressaltou o ministro. "Sim, em português claríssimo, sim, vamos comprar as vacinas, caso sejam registradas e comprovadas com o preço dentro da lógica correta”, emendou Pazuello. 

A CoronaVac, porém, é alvo de uma guerra política e ideológica por parte do governo Jair Bolsonaro, Recentemente, Bolsonaro desautorizou um acordo de intenção de compra do medicamento que havia sido firmado entre o Ministério da Saúde e o Instituto Butantan, ligado ao governo de São Paulo. Bolsonaro tem o governador paulista, João Doria (PSDB) como um desafeto político. 

 Inscreva-se na TV 247, seja membro, e compartilhe:

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email