Pesquisa Vox/247 foi a que mais acertou no 1º turno

A pesquisa Vox/247 da véspera da eleição (6), financiada pelos eleitores, foi a que mais se aproximou do resultado das urnas em comparação às dos outros dois institutos de pesquisa mais tradicionais do país, o Ibope e o Datafolha; o destaque deu-se em relação à votação de Haddad, que apareceu subestimado nas pesquisas Ibope e Datafolha; ele teve 29,28% dos votos; na pesquisa Vox, aparecia com 30%; nas pesquisas do Ibope e Datafolha, 25%

Pesquisa Vox/247 foi a que mais acertou no 1º turno
Pesquisa Vox/247 foi a que mais acertou no 1º turno

247 - A pesquisa Vox/247 do dia 6 de outubro (sábado), financiada pelos eleitores, foi a que mais se aproximou do resultado das urnas no primeiro turno das eleições de 2018, em comparação às dos outros dois institutos de pesquisa mais tradicionais do país, o Ibope e o Datafolha. O destaque deu-se em relação à votação de Haddad, que apareceu subestimado nas pesquisas Ibope e Datafolha. Haddad teve 29,28% dos votos. Na pesquisa Vox, aparecia com 31%. Nas pesquisas do Ibope e Datafolha, 25%.

Nenhum dos institutos captou a arrancada final de Bolsonaro, que terminou com 46,03% dos votos. Na pesquisa Vox/247, tinha 40%, assim como na Datafolha. Na Ibope, 41%.

Ciro teve 12,47% dos votos. Nas pesquisas Vox e Ibope, apareceu com 13%; na do Datafolha, 15%.

Alckmin teve 4,76% dos votos. A pesquisa Vox/247 indicou-o com 6%, Ibope e Datafolha apontaram 8%.

Amôedo teve 2,50 dos votos. Na pesquisa Vox, 2%; no Ibope e Datafolha, 3%.

Daciolo teve 1,26% dos votos. Na Vox/247, 1%, assim como no Datafolha. No Ibope, 2%

Meirelles ficou com 1,20% dos votos. Tinha 2% na Vox, Ibope e Datafolha.

Marina terminou com 1% dos votos. Na pesquisa Vox/247 tinha 2%. No Ibope e Datafolha, 3%.

Álvaro Dias teve 0,80% dos votos. A pesquisa Vox indicou 1%. Ibope e Datafolha apontaram 2%.

Boulos ficou com 0,58% dos votos. Tinha 1% na Vox/247, Ibope e Datafolha. 

O resultado da pesquisa foi excepcional e representa uma grande vitória dos eleitores e de um novo jeito de fazer comunicação, com base em diálogo e participação e não em emissões e transmissões unidirecionais, como as mídias tradicionais. Em menos de três dias, a comunidade 247, constituída por assinantes, membros, apoiadores, simpatizantes, amigos e amigas arrecadou mais de R$ 100 mil, para que a pesquisa fosse contratada junto ao Vox Populi que fez o trabalho a preço de custo. Foram inseridas duas questões sugeridas pela comunidade, relativas à reforma trabalhista e ao pré-sal, em outra iniciativa inédita. Segundo Marcos Coimbra, diretor e fundador do Vox Populi, o formato da pesquisa tornou-a um "evento histórico" no setor. 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247