Petrobras reajusta preço do diesel em 1,6% e da gasolina em 1,3%

A Petrobras anunciou nesta quinta-feira um reajuste de 1,6% no preço do diesel e de 1,3% no preço da gasolina nas refinarias; os novos valores vão vigorar a partir de amanhã (15); de acordo com a política de preços adotada pela companhia, que entrou em vigor no dia 3 de julho, reajustes podem ser aplicados a qualquer momento, até diariamente; dentro da nova metodologia, o preço do diesel acumula alta de 6,3% desde 1º de setembro e a gasolina, valorização de 5,7% no mesmo período

A Petrobras anunciou nesta quinta-feira um reajuste de 1,6% no preço do diesel e de 1,3% no preço da gasolina nas refinarias; os novos valores vão vigorar a partir de amanhã (15); de acordo com a política de preços adotada pela companhia, que entrou em vigor no dia 3 de julho, reajustes podem ser aplicados a qualquer momento, até diariamente; dentro da nova metodologia, o preço do diesel acumula alta de 6,3% desde 1º de setembro e a gasolina, valorização de 5,7% no mesmo período
A Petrobras anunciou nesta quinta-feira um reajuste de 1,6% no preço do diesel e de 1,3% no preço da gasolina nas refinarias; os novos valores vão vigorar a partir de amanhã (15); de acordo com a política de preços adotada pela companhia, que entrou em vigor no dia 3 de julho, reajustes podem ser aplicados a qualquer momento, até diariamente; dentro da nova metodologia, o preço do diesel acumula alta de 6,3% desde 1º de setembro e a gasolina, valorização de 5,7% no mesmo período (Foto: Romulo Faro)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Douglas Corrêa - repórter da Agência Brasil 

A Petrobras anunciou hoje (14) um reajuste de 1,6% no preço do diesel e de 1,3% no preço da gasolina nas refinarias. Os novos valores vão vigorar a partir de amanhã (15).

De acordo com a política de preços adotada pela companhia, que entrou em vigor no dia 3 de julho, reajustes podem ser aplicados a qualquer momento, até diariamente. Dentro da nova metodologia, o preço do diesel acumula alta de 6,3% desde 1º de setembro e a gasolina, valorização de 5,7% no mesmo período.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247