HOME > Brasil

PF acusa cinco políticos do PP de corrupção e organização criminosa

A Polícia Federal finalizou quatro inquéritos de políticos envolvidos na Lava Jato e concluiu eles praticaram os crimes de corrupção passiva qualificada, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha, além de ameaça; são eles os deputados federais Luiz Fernando Faria (PP-MG), Mario Negromonte Junior (PP-BA), Roberto Britto (PP-BA), o ex-deputado federal João Pizzolatti e o ex-ministro das Cidades Mario Negromonte

A Polícia Federal finalizou quatro inquéritos de políticos envolvidos na Lava Jato e concluiu eles praticaram os crimes de corrupção passiva qualificada, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha, além de ameaça; são eles os deputados federais Luiz Fernando Faria (PP-MG), Mario Negromonte Junior (PP-BA), Roberto Britto (PP-BA), o ex-deputado federal João Pizzolatti e o ex-ministro das Cidades Mario Negromonte (Foto: Valter Lima)

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - A Polícia Federal finalizou quatro inquéritos de políticos envolvidos na Lava Jato e concluiu eles praticaram os crimes de corrupção passiva qualificada, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha, além de ameaça.

São eles os deputados federais Luiz Fernando Faria (PP-MG), Mario Negromonte Junior (PP-BA), Roberto Britto (PP-BA), o ex-deputado federal João Pizzolatti e o ex-ministro das Cidades Mario Negromonte.

Agora, caberá à Procuradoria-Geral da República analisar o parecer da PF e as provas coletadas durante a investigação para decidir de vai ou não denunciá-los ao STF Supremo Tribunal Federal.

Dois deles estão sem mandato: Pizzolatti e Negromonte, que também foi deputado federal e atualmente ocupa uma cadeira no Tribunal de Contas da Bahia.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista: