PF: homem que ameaçou explodir avião no RJ é polonês

Ele causou tumulto, atrasou decolagem em 8 horas e ser enquadrado por atentado contra a segurana area

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

O passageiro que causou tumulto ontem à noite, ao ameaçar detonar uma bomba numa aeronave que iria decolar do aeroporto Tom Jobim, no Rio de Janeiro, é de nacionalidade polonesa. Segundo informou a Polícia Federal, o estrangeiro será enquadrado no artigo 261, por atentado contra a segurança de transporte aéreo, com pena que pode variar de 2 a 5 anos. Apesar da ameaça, não havia explosivos a bordo.

O voo 8102, da TAM, estava previsto para sair do Rio com destino a Frankfurt, na Alemanha, às 21 horas de ontem, mas só decolou por volta das 5h30 de hoje. Policiais federais detiveram o polonês, realizaram uma varredura nas bagagens e no interior do avião e interrogaram a tripulação. Como nada foi encontrado, o voo foi liberado. Os passageiros foram obrigados a esperar no saguão do aeroporto enquanto ocorria a investigação.

Segundo informações da Polícia Federal, as testemunhas afirmaram que o polonês já estava no voo quando comunicou aos comissários de bordo que havia uma bomba no interior do avião. Segundo a Polícia Federal, a bagagem de mão do polonês foi destruída, já que o conteúdo da mala divergia da descrição feita por ele antes do embarque.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email