PF já dá como certa a demissão de Valeixo, indicado por Moro

Moro silenciou nesta quarta-feira, 4, diante de repórteres quando questionado se pretendia dispensar Valeixo. Em menos de três minutos, ele encerrou a entrevista, alegando ter outros compromissos. A atitude foi considerada 'ridícula' por um integrante da cúpula da PF

Moro escolhe Maurício Valeixo para ser diretor-geral da PF
Moro escolhe Maurício Valeixo para ser diretor-geral da PF

247 – "A saída do diretor-geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo, já é dada como certa pela corporação. Nos bastidores, a PF avalia que o ministro da Justiça, Sergio Moro, foi 'emparedado' pelo presidente Jair Bolsonaro, vem sofrendo sucessivas derrotas no governo e perderá de vez o poder de comando se não tiver carta branca para indicar o substituto de Valeixo. A troca está sendo vista na PF como uma 'capitulação' do ministro a interesses políticos", informa reportagem do jornal Estado de S. Paulo.

"Moro silenciou nesta quarta-feira, 4, diante de repórteres quando questionado se pretendia dispensar Valeixo. Em menos de três minutos, ele encerrou a entrevista, alegando ter outros compromissos. A atitude foi considerada 'ridícula' por um integrante da cúpula da PF. O ministro conversou com Valeixo, por telefone", diz ainda o texto

O objetivo de Bolsonaro ao intervir na PF é blindar seu clã diante das investigações sobre o caso Queiroz e outros esquemas de corrupção que envolvem a família.


Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247