PF pede ajuda aos EUA para acessar dados de celular da irmã de Aécio

Polícia Federal enviou para os Estados Unidos o celular de Andrea Neves, irmão do deputado Aécio Neves (PSDB-MG) na tentativa de conseguir quebrar a senha para desbloquear o aparelho e acessar os dados que podem auxiliar na investigação sobre o pagamento de R$ 2 milhões em propinas que teriam sido pedidos por ela ao empresário Joesley Batista, do grupo J&F, para beneficiar o parlamentar

PF pede ajuda aos EUA para acessar dados de celular da irmã de Aécio
PF pede ajuda aos EUA para acessar dados de celular da irmã de Aécio (Foto: REUTERS/Cristiane Mattos)

247 - A Polícia Federal enviou para os Estados Unidos o celular de Andrea Neves, irmão do deputado Aécio Neves (PSDB-MG) na tentativa de que os peritos daquele país consigam quebrar a senha para desbloquear o aparelho e conseguir acessar os dados que podem auxiliar na investigação sobre o pagamento de R$ 2 milhões em propinas que teriam sido pedidos por ela ao empresário Joesley Batista, do grupo J&F, para beneficiar o parlamentar. Andrea foi presa e teve o celular apreendido em maio de 2017, durante a Operação Patmos.

De acordo com o jornal O Estado de S. Paulo, Andrea não irá fornecer a senha do aparelho celular alegando que não é obrigada a produzir provas contra si mesma. Em um relatório, um dos delegados da PF que trabalham na investigação, afirma que os equipamentos atualmente usados pela Polícia Federal só conseguem desbloquear IPhomes com sistema operacional até iOS 7. Como o modelo apreendido e posterior, o acesso ao conteúdo contido no equipamento não pode ser realizado.

Conheça a TV 247

Mais de Brasil

Ao vivo na TV 247 Youtube 247