PGR pediu diligências contra pelo menos três deputados bolsonaristas

Investigadores relataram ter reunido “indícios veementes de autoria” contra os deputados bolsonaristas que, além de “participarem ativamente” da organização dos protestos pró-golpe, foram ajudados por pessoas de fora do Parlamento para conspirar contra as instituições da República

Bolsonaro discurso a apoiadores que pediram AI-5 em Brasília
Bolsonaro discurso a apoiadores que pediram AI-5 em Brasília (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Pelo menos três deputados federais e líderes de movimentos pró-Jair Bolsonaro serão investigados a partir de um inquérito aberto pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes, com o objetivo de apurar atos deste final de semana que pediam intervenção militar e um novo AI-5.

Investigadores relataram ter reunido “indícios veementes de autoria” contra os parlamentares que, além de “participarem ativamente” da organização dos protestos, contaram com ajuda de pessoas de fora do Parlamento para conspirar contra as instituições da República. Manifestantes pediam o fechamento do Congresso e do Supremo Tribunal Federal. 

Os relatos de investigadores foram dados à coluna Radar. Um deles afirmou  que os elementos reunidos no inquérito ainda não fundamentariam pedidos de prisão, mas apenas de buscas. “Mas não tenha dúvida de que iremos pedir a prisão, se os elementos para tal medida surgirem”, disse.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247