Polícia do Pará identifica 50 fazendeiros culpados pelo incêndio; PF de Moro não sabe de nada

Fazendeiros, pecuaristas e contratados para atear fogo devem responder por crime ambiental. Já a Polícia Federal de Moro, que não sabe de nada, ainda apura Dia do Fogo, em que ação pode ter sido orquestrada

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Ao menos 50 fazendeiros, pecuaristas e contratados, identificados como responsáveis por atear fogo em matas da região amazônica, foram indentificados pela Polícia civil do Pará e devem responder por crime ambiental.

No local houve a apreensão de motoserras, motocicletas e tratores,  segundo informações da rádio CBN. 

Já a Polícia Federal ainda apura Dia do Fogo, em que ação pode ter sido orquestrada.

No Senado, governo não conseguiu impedir que um pedido de criação de uma CPI fosse apresentado para investigar a devastação na Amazônia.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247