Político experiente, Renan evita encontro com Joesley

Líder do PMDB no Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) evitou encontro com Joesley Batista, da JBS, por achar "imprudente marcar uma conversa com o empresário"

Líder do PMDB no Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) evitou encontro com Joesley Batista, da JBS, por achar "imprudente marcar uma conversa com o empresário"
Líder do PMDB no Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) evitou encontro com Joesley Batista, da JBS, por achar "imprudente marcar uma conversa com o empresário" (Foto: Charles Nisz)

247 - Dizia o sambista Bezerra da Silva, "malandro é malandro e mané é mané". O ditado acabou popular e se confirmou mais uma vez no episódio das gravações feitas pela JBS com Aécio Neves e Michel Temer.

Segundo informações da coluna Painel, da Folha de S. Paulo, o empresário Joesley Batista, um dos executivos do grupo frigorífico, tentou flagrar também o senador Renan Calheiros, líder do PMDB.

De acordo com a jornalista Flávia Tavares, os empresários tentaram agendar um encontro com o ex-presidente do Senado. No entanto, o senador achou "imprudente marcar uma conversa com o empresário". Ou seja, a ideia era também grampear o então quarto nome da linha sucessória.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247