Processo de Lula contra Deltan por PowerPoint é retirado da pauta do CNMP

Documento interno mostra que o relator do caso no Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), Marcelo Weitzel, retirou o procedimento da pauta que estava agendado para a próxima terça (7)

Deltan Dallagnol e Lula
Deltan Dallagnol e Lula (Foto: Divulgação/Youtube | Brasil247)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O conselheiro Marcelo Weitzel, relator do pedido apresentado pelo ex-presidente Lula que solicita a abertura de processo contra o procurador Deltan Dallagnol pela apresentação de uma denúncia com o uso de uma tela de power point, retirou a ação da pauta do colegiado. A informação é da CNN Brasil.

Segundo documento interno, o procedimento foi retirado da pauta de julgamentos do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), programada para a próxima terça-feira (7), e ainda não há nova data para o julgamento do caso.

O tema seria tratado em um ambiente do plenário do CNMP desfavorável a Deltan, que é alvo de denuncias que reveleram que ele trabalhou em parceria com o FBI para destruir as empresas brasileiras e abrir caminho para um governo neofascista no Brasil. 

Segundo integrantes do colegiado, neste momento o procurador só teria três dos 11 votos garantidos a seu favor.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247