PSB impõe condições ao PT para garantir Alckmin na vice de Lula

Os socialistas querem encabeçar chapas a governos em cinco estados

www.brasil247.com - Lula e Alckmin
Lula e Alckmin (Foto: Stuckert | Rovena Rosa/Agência Brasil)


247 - Dirigentes do PSB discutem filiação de Geraldo Alckmin e sua candidatura a vice na chapa encabeçada por Lula. A condição para fechar a aliança com o ex-governador de São Paulo na vice é amarrar acordos regionais com o PT.

O PSB quer o apoio do PT a seus candidatos a governador em São Paulo, Rio Grande do Sul, Pernambuco, Acre e Rio de Janeiro, informa reportagem da Folha de S.Paulo.

Está em andamento a discussão no PSB sobre priorizar a filiação de Geraldo Alckmin (PSDB-SP) para que ele seja candidato a vice-presidente de Luiz Inácio Lula da Silva desde que o PT apoie a legenda em cinco estados prioritários nas eleições de 2022.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Alckmin, que tem conversado com uma série de partidos, procurou integrantes do PSB nos últimos dias e sinalizou que toparia entrar na sigla para ser vice de Lula, informa a Folha de S.Paulo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Dirigentes do PSB e de outras siglas, porém, dizem acreditar que Alckmin só baterá o martelo sobre seu futuro partidário após as prévias do PSDB, no domingo (21). No cálculo, o tucano poderia até ficar onde está a depender de quem vencer a disputa interna: João Doria (SP) ou Eduardo Leite (RS).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A reportagem ressalta que líderes do PSB vão discutir o tema com Alckmin e também procurar Lula para debater pessoalmente a aliança.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email