PT retoma com Haddad as caravanas, agora pela liberdade de Lula

O PT vai retomar caravanas pelo país para pressionar o governo Bolsonaro e sua pauta regressiva e também ampliar a campanha pela liberdade do ex-presidente Lula; o debate em torno da reforma da Previdência é prioridade; Fernando Haddad, candidato derrotado à presidência da República, que obteve 47 milhões de votos, irá conduzir as viagens pelo país; a primeira parada é no estado do Ceará

PT retoma com Haddad as caravanas, agora pela liberdade de Lula
PT retoma com Haddad as caravanas, agora pela liberdade de Lula (Foto: Ricardo Stuckert)

247O PT vai retomar caravanas pelo país para pressionar o governo Bolsonaro e sua pauta regressiva e conservadora e também ampliar a campanha pela liberdade do ex-presidente Lula. O debate em torno da reforma da Previdência é prioridade. Fernando Haddad, candidato derrotado à presidência que obteve 47 milhões de votos irá conduzir as viagens pelo país. A primeira parada é no estado do Ceará.

A reportagem do jornal Folha de S. Paulo destaca que "Dois dirigentes petistas dizem que o partido precisa voltar a mobilizar o país. Para isso, é necessário retomar as conversas não só com sua base, mas também com os 47 milhões de eleitores que votaram em Haddad no segundo turno da disputa presidencial."

E complementa: "o formato das caravanas de Haddad será diferente do das conduzidas por Lula em 2017. A ideia é que, além de comandar atos públicos, o ex-prefeito de São Paulo participe de eventos fechados e dê entrevistas para a imprensa local."

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247