Quanto vale um notável?

"O notável trambiqueiro Chefe da Casa Civil não teve vergonha de mostrar como foi formado o Ministério de notáveis. Uma espécie de leilão. Quem dá mais por este Ministério? Quantos votos? A fidelidade se compra", escreve o colunista Rogério Cerqueira Leite, em seu blog

Eliseu Padilha e Michel Temer 
Eliseu Padilha e Michel Temer  (Foto: Gisele Federicce)

Por Rogério Cerqueira Leite, em seu blog

Foi Serra que, recém convidado para integrar o atual governo, anunciou: "será um governo de notáveis". Obviamente ele também um notável, o maior notável entreguista do Brasil.

E agora o Ministro Chefe da Casa Civil confessa publicamente que ofereceu ao PP de Maluf o Ministério de Saúde por todos os votos do partido e que teria o partido que indicar um notável. E assim foi. Indicou o partido um notável medíocre.

O notável trambiqueiro Chefe da Casa Civil não teve vergonha de mostrar como foi formado o Ministério de notáveis. Uma espécie de leilão. Quem dá mais por este Ministério? Quantos votos? A fidelidade se compra.

O valor de um Ministério é avaliado pelo seu orçamento. Cada bilhão vale meio voto. Assim sendo, o Ministério da Saúde com mais de 100 bilhões de orçamento foi vendido por 50 votos seguros. Não é bacaninha?

A confissão do notável trambiqueiro também revela a notabilidade de alguns de seus colegas notáveis. Assim Jucá seria um notável alcoviteiro, Geddel um notável chantagista e o mais recente membro dessa verdadeira academia de notáveis Moreira Franco notável chicaneiro.

Aliás, essa questão de notabilidade é contagiosa, pois vejam só, a incorruptível Corte Suprema do País está para incorporar um notável plagiador.


Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247