CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Brasil

Randolfe pedirá ao TCU aposentadoria compulsória de Augusto Nardes e inquérito contra o ministro no STF

Ministro do TCU deu declarações golpistas, defendendo um levante inconstitucional contra a eleição de Lula. Áudio foi enviado via WhatsApp e obtido pelo Brasil 247

Randolfe Rodrigues e Augusto Nardes (Foto: Alessandro Dantas | Marcos Corrêa/PR)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) usou as redes sociais para anunciar que irá pedir  que o Senado convoque o ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Augusto Nardes para prestar esclarecimentos sobre as declarações de cunho golpista feitas por ele em um grupo de WhatsApp de empresários do agronegócios e obtido pelo Brasil 247. 

O parlamentar também afirmou que irá solicitar a aposentadoria compulsória de Nardes, além de ingressar com um pedido junto ao Supremo Tribunal Federal (STF) para que seja aberto um inquérito visando apurar a conduta do magistrado, além de requerer a perda do cargo e a suspensão dos direitos políticos do magistrado. 

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

>>> Ministros do TCU veem crime contra segurança nacional em falas golpistas de Augusto Nardes e aconselham retratação

“Ele será convocado para dar explicações no Senado. Golpista e asseclas não conspirarão impunemente contra a Democracia brasileira”, postou Randolfe no Twitter. “Peticionaremos ao TCU, argumentando violação disciplinar, pedindo a aposentadoria compulsória do magistrado ou a sua disponibilidade”, escreveu em outro post.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Na sequência, o parlamentar afirmou que apresentará “petição ao STF, solicitando a instauração de inquérito policial, por possível crime contra a ordem democrática”, além de apresentar uma denúncia junto à Corte “sustentando crime de responsabilidade e a legitimidade cidadã para tal denúncia (a jurisprudência defensiva do Tribunal só tem reconhecido tal prerrogativa ao PGR), requerendo a perda do cargo e suspensão dos direitos políticos”.

No domingo (20), o deputado federal Paulo Teixeira (PT) usou o Twitter para afirmar que irá protocolar um pedido de convocação para Nardes explicar o teor das afirmações que fez no áudio, que se enquadrariam em uma “conspiração golpista”.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O deputado federal André Janones (Avante-MG) também utilizou as redes sociais para afirmar que acionou o TCU para que o ministro esclareça as afirmações de teor golpista. 

 

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista: 

 

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando os comentários...
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO