Ricupero: Brasil deve sofrer represálias e só por 'milagre' consegue recuperar sua imagem

Na avaliação do diplomata e ex-ministro da Fazenda Rubens Ricupero, a imagem do Brasil no exterior nunca esteve tão abalada como na crise desencadeada pelas queimadas na Amazônia. "A não ser por um milagre" há a possibilidade de recuperar a imagem do Brasil no exterior, alerta

Rubens Ricupero
Rubens Ricupero (Foto: Roque de Sá/Agência Senado)

247 -  Na avaliação do diplomata e ex-ministro da  Fazenda Rubens Ricupero, a imagem do Brasil no exterior nunca esteve tão abalada como na crise desencadeada pelas queimadas na Amazônia. Segundo ele, isso é reflexo do posicionamento do governo brasileiro, "dos ataques a países e líderes que pediram solução para a questão ambiental". A reportagem é do jornal O Globo.

Ricupero, que já foi ministro do Meio Ambiente e secretário-geral da Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (Unctad), destaca que, dada a atual situação, há um "perigo real" de que o acordo entre Mercosul e União Europeia não vá adiante, e até que países europeus invoquem as legislações do bloco para tomar medidas contra a soja e a carne produzidas no Brasil.

"O Brasil vive a mais grave crise de imagem nos últimos 50 anos. Nem no governo militar assistimos um movimento em que todos os noticiários internacionais focalizassem  a Amazônia como primeira notícia, com declarações de presidentes, jogadores de futebol, atores de cinema, chefes da ONU. As proporções estão muito altas. Muito deste cenário tem a ver com o posicionamento do governo em relação às críticas internacionais, a forma com a qual comentários negativos são respondidos", declarou ao jornal. 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247