Rogério Correia protocola proposta que retira militares da ativa de cargos do governo

Deputado Rogério Correia e outros 170 parlamentares assinam emenda à PEC da Reforma Administrativa que preserva a separação entre função civil e militar no serviço público

(Foto: Cleia Viana/Câmara dos Deputados | ABr)


✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - O deputado federal Rogério Correa (PT-MG) protocolou nesta sexta-fiera (9), na Câmara Federal, uma emenda à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da Reforma Administrativa. 

A proposta de Correia recebeu assinatura de 171 parlamentares e preserva a separação entre função civil e militar, visando a preservação das atribuições no Estado democrático brasileiro.

continua após o anúncio

"No nosso entendimento, é impossível, neste quadro que o Brasil vive, os militares continuarem assumindo postos no govenro, para fazer ameaças ao sistema democrático brasileiro", afirmou Correia em declaração ao 247

"O lugar dos militares é ficar nos quarteis. Se quiserem fazer alguma ocupação de cargo públco, vão para a reserva. Isso é importante para garantir a democracia no Brasil e não alimentar expectativas golpistas de setores das Forças Armadas", acrescentou o parlamentar petista. 

continua após o anúncio

 Leia a emenda na íntegra:


continua após o anúncio

Inscreva-se na TV 247, seja membro, e compartilhe:

continua após o anúncio

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

continua após o anúncio

Ao vivo na TV 247

Cortes 247