Secretária do Audiovisual diz que foi exonerada por não concordar com Alvim

Duas semanas após ter sido nomeada para a Secretaria de Audiovisual, Katiane Gouvêa sai sob escolta de seguranças do prédio da Secretaria Especial de Cultura, após ser anunciada a sua exoneração do cargo

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Demitida do cargo após duas semanas, Katiane Gouvêa diz que foi afastada da secretaria do audiovisual, "simplesmente por não concordar com a gestão do [Roberto] Alvim", nomeado secretário Especial de Cultura.

Alvim a nomeou para o cargo no fim de novembro e, segundo comunicado divulgado pela Secretaria Especial da Cultura, a decisão tomada nesta quarta-feira ocorreu após o secretário tomar conhecimento de um parecer do Ministério Público Eleitoral com a reprovação das contas de Katiane quando ela foi candidata a deputada federal.

Katiane concorreu na eleição de 2018, em Londrina (PR), pelo PSD com o nome Katiane da Seda, mas não conseguiu se eleger. A reprovação da prestação de sua contas foi pedida pela procuradora regional eleitoral Eloisa Helena Machado na terça-feira da semana passada. Ela apontou quatro "impropriedades" nos documentos apresentados pela campanha da então candidata.

Segundo reportagem do jornal O Globo, nos bstidores Katiane não era vista com bons olhos e já havia discutido com outros servidores do órgão. 

O clima de tensão chegou ao ponto de antes mesmo da exoneração ser publicada no Diário Oficial, servidores da secretaria do Audiovisual relataram que Katiane foi escoltada por seguranças para deixar o prédio da secretaria de Cultura. A informação é da jornalista Mônica Bergamo, da Folha.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247