Stoppa: o lado do mal já se uniu em torno do Alckmin

O apresentador Léo Stoppa afirma que o lado do mal já se uniu em torno de Geraldo Alckmin, com o recente apoio dos partidos que compõe o centrão à candidatura do tucano; "A esquerda deve tomar todo cuidado; devemos pautar uma frente progressista, não há hipótese de luta contra o poder econômico sem a nossa união", defende; confira o programa Léo ao Quadrado 

Stoppa: o lado do mal já se uniu em torno do Alckmin
Stoppa: o lado do mal já se uniu em torno do Alckmin

TV 247 - O programa Léo ao Quadrado desta quinta-feira (18) debateu o recente apoio dos partidos que compõe o "centrão" à candidatura de Geraldo Alckmin (PSDB-SP), deixando para trás a possibilidade de uma aliança com o presidenciável Ciro Gomes (PDT), que articulava uma composição com o centrão há meses. 

Compõe o chamado "centrão" as siglas DEM, PP, PR, SD e PRB. 

Com a aliança, Alckmin disparará seu tempo de TV, indo para 4 minutos e meio no horário eleitoral. Porém, Stoppa afirma que  "Alckmin já tem 100% do tempo de TV" e justifica: "Isso porque a Globo já cumpre o papel defender as ideias dos tucanos em toda a programação". 

Léo Stoppa afirma que, com a aliança, o lado do mal já se uniu em torno de Geraldo Alckmin. "A merda já está toda junta, por isso a esquerda deve tomar todo cuidado. Devemos pautar uma frente progressista, não há hipótese de luta contra o poder econômico sem a nossa união", defende. 

Inscreva-se na TV 247 e confira o programa Léo ao Quadrado 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247