Szabó: decreto de armas é para 'privilegiar amigos'

A especialista em segurança pública, Ilona Szabó, classificou como "irresponsabilidade" o decreto do presidente Jair Bolsonaro que estende o direito de porte de armas para outras 20 categorias; "Seu decreto fere a lei e será contestado", afirmou  

Szabó: decreto de armas é para 'privilegiar amigos'
Szabó: decreto de armas é para 'privilegiar amigos'

247 - Ilona Szabó, especialista em segurança pública, usou as redes sociais para comentar o decreto do presidente Jair Bolsonaro que estende o direito de porte de armas para outras 20 categorias. Segundo ela, a medida é uma "irresponsabilidade" que apenas serve para privilegiar os amigos do presidente.

"Segurança pública não é brincadeira Presidente", afirmou Ilona. "Seu decreto fere a lei e será contestado", completou. Ela é uma das fundadorasdo Instituto Igarapé, organização que elabora pesquisas e propõe políticas sobre segurança, justiça e desenvolvimento.

Em fevereiro, Ilona foi convidada para compor o Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária, mas exonerada dois dias depois por pressão de bolsonaristas nas redes.

"Quanta irresponsabilidade! Privilegia seus amigos em detrimento da proteção de todos, em especial mulheres. Lastimável. Deixe a Senasp trabalhar e pare de atrapalhar!", escreveu.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247