Temer recebe alta de hospital e retorna a Brasília

Michel Temer recebeu alta da equipe médica do Hospital Sírio-Libanês situado na capital paulista, onde, na sexta-feira passada (27), passou por tratamento de três artérias coronárias; ele retornou à capital do país de avião; as três artérias tinham obstruções relevantes, de cerca de 90%, o que fez com que Temer corresse risco de sofrer um infarto

Presidente Michel Temer ao sair de hospital em São Paulo 30/10/2017 REUTERS/Nacho Doce
Presidente Michel Temer ao sair de hospital em São Paulo 30/10/2017 REUTERS/Nacho Doce (Foto: Paulo Emílio)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik - Na segunda-feira (24), o presidente brasileiro Michel Temer recebeu alta da equipe médica do Hospital Sírio-Libanês situado na capital paulista, onde, na sexta-feira passada (27), passou por tratamento de três artérias coronárias, informa o portal G1.

De acordo com o portal, o presidente retornou à capital do país de avião.

No sábado passado (25), Roberto Kalil Filho, um dos médicos responsáveis pelo atendimento a Temer, disse que ele pode voltar a cumprir suas obrigações normalmente.

Segundo a nota divulgada pelo hospital no domingo (26), o quadro de saúde do presidente do Brasil era estável.

Roberto Kalil Filho afirmou que o procedimento foi bem-sucedido. Ele explicou que as três artérias tinham obstruções relevantes, de cerca de 90%, o que fez com que Michel Temer corresse risco de sofrer um infarto.

Por conta da internação de Temer, o presidente da Bolívia, Evo Morales, adiou a visita que faria ao Brasil.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247