‘Temos de encerrar o ciclo de falsos heróis’, diz Gilmar sobre abuso de autoridade

Defensor do projeto aprovado pelo Senado que prevê punição para abuso de autoridade, o ministro do STF Gilmar Mendes, que também votou pela liberdade de Lula, afirma que "O cemitério está cheio desses falsos heróis. Eles são apresentados por vocês (mídia) como tal e acreditam nisso. Depois, coitados, passam a ter um grande problema de depressão, obviamente antes de desaparecerem por completo”

(Foto: STF)

247 - Defensor do projeto aprovado nesta quarta-feira (26) pelo Senado que prevê punição para abuso de autoridade, o ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes, que também votou pela liberdade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, avalia que a proposta aprovada no Legislativo é apenas o ponto de partida para uma reforma na legislação e a correção de rumos contra exageros cometidos por juízes, promotores e policiais. A entrevista foi concedida ao jornal O Estado de S.Paulo.

De acordo com o ministro, o projeto pode evitar o surgimento de “falsos heróis”, que cometem excesso “em nome supostamente” de um combate à criminalidade. 

“O cemitério está cheio desses falsos heróis. Eles são apresentados por vocês (mídia) como tal e acreditam nisso. Depois, coitados, passam a ter um grande problema de depressão, obviamente antes de desaparecerem por completo”, diz. 


Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247