'Tenho medo de um massacre', diz yanomami após novo conflito armado

www.brasil247.com - Garimpo na terra Yanomami, em Roraima
Garimpo na terra Yanomami, em Roraima (Foto: Divulgação)


247 - Um novo conflito armado na Terra Indígena Yanomami aumentou ainda mais a tensão no território. Pouco mais de 24 horas após um ataque de garimpeiros à comunidade Palimiú ter deixado quatro garimpeiros e um indígena feridos, um novo tiroteio ocorreu na tarde desta terça-feira (11), durante uma visita de agentes da Polícia Federal ao local. A reportagem é do jornal Folha de S.Paulo.

Segundo informações da Polícia Federal, após a apuração do ataque ocorrido no dia anterior, quando a equipe de policiais estava prestes a embarcar de volta a Boa Vista, uma embarcação de garimpeiros passou no Rio Uraricoera efetuando os disparos. A equipe se abrigou e respondeu à agressão, mas não houve registro de atingidos de nenhum dos lados.

No avião que levou os policiais de Boa Vista, capital de Rondônia, até a comunidade estava Júnior Hekurari Yanomami, membro do Conselho Distrital de Saúde Indígena (Condisi).

"O clima está muito tenso, o povo yanomami está com muito medo. Eu também estou com muito medo", disse Júnior à DW Brasil após o confronto.

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email