Tio de Damares, pastor diz a fiéis que não voaria em avião com piloto que entrou por cotas na universidade (vídeo)

"Eu não voaria em um avião que o piloto entrou por cota. É por isso que de vez em quando cai um avião. Em 99% [dos casos] a culpa é do piloto. Ele errou alguma coisa", disse o ex-deputado federal e pastor Josué Bengston (PTB) durante um culto

Josué Bengston
Josué Bengston (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ex-deputado federal e pastor evangélico Josué Bengston (PTB), tio da ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, afirmou durante um culto que jamais entraria em um avião pilotado por alguém que ingressou na universidade por meio do sistema de cotas. 

Segundo postagem da jornalista paraense Daleth Oliveira, a afirmação de Bengston foi feita neste domingo (19). “Eu não voaria em um avião que o piloto entrou por cota. É por isso que de vez em quando cai um avião. Em 99% [dos casos] a culpa é do piloto. Ele errou alguma coisa”, diz o pastor em um vídeo que circula na internet. 

“Você deixaria operar seu coração por um médico que entrou na universidade por cota? Neste mundo, a meritocracia que tem que funcionar”, completou em seguida. 

Em 2018, Josué Bengston foi condenado à perda do mandato por participação em um esquema de desvio de recursos da área de Saúde, conhecido como a “máfia das ambulâncias” no Pará.

Confira o vídeo. 

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247