'Um absurdo', diz advogado de Najila sobre Neymar não ter sido indiciado por estupro

Advogado Cosme Araújo Santos, que defende a modelo Najila Trindade, criticou o encerramento das investigações sobre acusação de estupro contra Neymar sem o indiciamento do jogador; "A defesa de Najila encara como um absurdo", afirmou ele, dizendo que a delegada encerrou as investigações "sem as diligências citadas"

247 - O advogado Cosme Araújo Santos, que defende a modelo Najila Trindade, ficou revoltado com o encerramento das investigações sobre acusação de estupro contra Neymar sem o indiciamento do atacante da Seleção Brasileira. Ele usou palavras duras para classificar a decisão da delegada Juliana Bussacos, da 6ª Delegacia de Defesa da Mulher de São Paulo.

"Se realmente é verdade, a defesa de Najila encara como um absurdo o que está vendo porque, de maneira inusitada tendo a delegada pedido prorrogação para concluir o inquérito policial, resolve [encerrar a investigação], sem as diligências citadas, a exemplo da ausência do vídeo que, segundo informações, estaria por vir de Paris", disse ele, de acordo com relato do site Uol.

O advogado reclama porque a gravação do circuito interno de um hotel em Paris (França) poderia mostrar se o jogadorr estava cambaleando ou se discutiu com alguém no estabelecimento. Caso isto tenha acontecido, comprovaria parte da versão de Najila que declarou que o atleta estava alterado e agressivo. Cosme afirmou que o "inquérito é inconclusivo".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247