Valente e Medeiros: candidatura Boulos será a grande novidade das eleições

O deputado Ivan Valente (PSOL-SP) e o presidente nacional do PSOL, Juliano Medeiros, escrevem artigo conjunto nesta terça-feira, 6, no qual defendem a candidatura do líder do MTST, Guilherme Boulos, a presidente da República; "A candidatura Boulos tem tudo para representar a grande novidade nessas eleições. Pode plantar a semente para a reorganização da esquerda e o início de um novo ciclo de vitórias para o povo brasileiro", afirmam

O deputado Ivan Valente (PSOL-SP) e o presidente nacional do PSOL, Juliano Medeiros, escrevem artigo conjunto nesta terça-feira, 6, no qual defendem a candidatura do líder do MTST, Guilherme Boulos, a presidente da República; "A candidatura Boulos tem tudo para representar a grande novidade nessas eleições. Pode plantar a semente para a reorganização da esquerda e o início de um novo ciclo de vitórias para o povo brasileiro", afirmam
O deputado Ivan Valente (PSOL-SP) e o presidente nacional do PSOL, Juliano Medeiros, escrevem artigo conjunto nesta terça-feira, 6, no qual defendem a candidatura do líder do MTST, Guilherme Boulos, a presidente da República; "A candidatura Boulos tem tudo para representar a grande novidade nessas eleições. Pode plantar a semente para a reorganização da esquerda e o início de um novo ciclo de vitórias para o povo brasileiro", afirmam (Foto: Aquiles Lins)

247 - O deputado Ivan Valente (PSOL-SP) e o presidente nacional do PSOL, Juliano Medeiros, escrevem artigo conjunto nesta terça-feira, 6, no qual defendem a candidatura do líder do MTST, Guilherme Boulos, a presidente da República. 

Segundo Valente e Medeiros, a candidatura de Boulos, recém-filiado ao SPOL, pode "pode plantar a semente para a reorganização de um novo ciclo de vitórias para o povo". 

"Boulos consolidou-se como a principal liderança dos movimentos sociais urbanos, demonstrando inegável protagonismo na defesa da democracia e dos direitos sociais. Possui plenas condições de liderar um programa que combata a especulação financeira e o lucro dos bancos, que garanta os direitos dos trabalhadores, que aposte na distribuição de renda e da riqueza, colocando o dedo na ferida da necessidade da reforma agrária e urbana e da democratização dos meios de comunicação de massa", dizem os dois. 

De acordo com os dois psolistas, outro aspecto fundamental será a defesa da democracia, sem nenhuma transigência com a violação de direitos humanos.

"A candidatura de Boulos terá a marca da luta e da mobilização popular, inspirada nas novas experiências da esquerda de unidade e organização de baixo para cima, a exemplo do que ocorre em países como Espanha, Portugal, França e Chile", afirmam.  "Por tudo isso, a candidatura Boulos tem tudo para representar a grande novidade nessas eleições. Pode plantar a semente para a reorganização da esquerda e o início de um novo ciclo de vitórias para o povo brasileiro", acrescentam. 

Leia na íntegra o artigo na Folha de S. Paulo.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247