Wassef abandona o caso Flávio Bolsonaro após esconder Queiroz

"Peço desculpas ao presidente e ao senador por qualquer dano que eu tenha causado", disse ele

Frederick Wassef, Fabricio Queiroz circulado em vermelho e Flávio Bolsonaro
Frederick Wassef, Fabricio Queiroz circulado em vermelho e Flávio Bolsonaro (Foto: Reprodução | Ag. Senado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – O advogado Frederick Wassef anunciou nesta noite, em entrevista à CNN, que está abandonado a defesa do senador Flávio Bolsonaro no escândalo da "rachadinha", escândalo de corrupção que desviava salários de funcionários públicos para pagar despesas pessoais do clã Bolsonaro. "Peço desculpas por qualquer dano que tenha causado ao presidente Jair Bolsonaro e ao senador Flávio Bolsonaro".

Wassef se tornou conhecido depois que Fabrício Queiroz, tesoureiro do clã Bolsonaro, foi preso numa casa de sua propriedade, localizada na cidade de Atibaia (SP). Ao esconder Queiroz, Wassef pode ter contribuído para o crime de obstrução judicial e corre o risco de ser preso – motivo que já levava o clã Bolsonaro a cogitar sua saída da defesa do caso.

Dentro de 15 dias, com a prisão de Queiroz, o Ministério Público do Rio de Janeiro deve denunciar Flávio Bolsonaro como chefe do esquema de corrupção da rachadinha. Inscreva-se na TV 247 e saiba mais sobre Wassef:

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247