Weintraub comemora censura a palestra de Boulos no IFPR: "essa tigrada precisa saber que os brasileiros acordaram"

Ministro da Educação, Abraham Weintraub, comemorou a decisão do procurador do Instituto Federal do Paraná (IFPR), José Maurílio da Costa Pereira, de proibir uma palestra que o líder do MTST, Guilherme Boulos, faria na instituição.“O Brasil está mudando! Essa tigrada precisa saber que os brasileiros acordaram!”, postou nas redes sociais

(Foto: Senado | ALSP)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Revista Fórum - Em tuíte na manhã desta sexta-feira (9), o ministro da Educação, Abraham Weintraub, comemorou a decisão do procurador do Instituto Federal do Paraná (IFPR), José Maurílio da Costa Pereira, de proibir uma palestra que Guilherme Boulos, líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto e candidado derrotado à Presidência pelo PSol, faria na instituição.

“O Brasil está mudando! Essa tigrada precisa saber que os brasileiros acordaram!”, tuitou o ministro, compartilhando imagem de uma reportagem sobre o assunto.

A publicação foi compartilhada pelo deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) que, em texto confuso, defendeu a medida.

Leia a íntegra na Revista Fórum

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247